Liberdade – Escada da aposentadoria

Liberdade, para mim, é poder dispor de seu tempo como bem entender. É não precisar bater ponto no serviço, é não precisar chegar cedo na própria empresa para manter as coisas funcionando e dar o bom exemplo aos funcionários.

Liberdade é conseguir conquistar a independência financeira, da forma como a definimos anteriormente.

Escada da Aposentadoria. Degraus para a liberdade.

Desenvolvi uma técnica que me permitiu alcançar a liberdade muito antes do que seria possível normalmente. Chamei esta técnica de Escada da Aposentadoria. É uma técnica muito simples, mas poderosa se bem utilizada.

Defina um padrão de vida relativamente modesto, mas ao qual você consegue se adaptar de maneira a viver feliz dentro daquele teto de gastos. Para conseguir isto de forma um pouco mais agradável, estabeleça alguns prêmios regulares que lhe tragam uma alegria acima da média. Pense em coisas que lhe proporcionem alegria e ao mesmo tempo não sejam tão caras a ponto de bagunçar seu orçamento. Um filme no cinema com regularidade, por exemplo. Tirar o tempo para uma maratona de sua série favorita uma vez por mês. Preparar um jantar especial em sua casa no fim de semana. Passear por um parque que lhe traga lembranças especiais. Tomar aquele café da manhã “de hotel” na sua padaria preferida, aos sábados pela manhã.

Destine um percentual da sua renda a estes pequenos presentes regulares. Assim, os pequenos esforços e as coisas que você eventualmente deixe de fazer por estarem fora do seu padrão de vida atual não se tornam insustentáveis.

A medida em que você se especializa e cresce profissionalmente, não aumente seu padrão de vida. Mantenha a mesma rotina, os mesmos hábitos, as mesmas facilidades. Continue indo trabalhar de ônibus ou metrô. Dê preferência por morar perto do trabalho para não perder tanto tempo em trânsito, ou leia um bom livro no caminho do trabalho.

Tudo que você passa a ganhar a mais com este crescimento, invista integralmente na sua formação de patrimônio. Desta forma, sem o aumento do seu custo de vida, você atingirá muito mais rápido a independência financeira definida por este primeiro degrau.

Pronto! Você conseguiu, e nem demorou tanto. Você possui patrimônio que gera renda suficiente para lhe sustentar neste padrão de vida pré-definido sem precisar trabalhar. Agora sim, suba um degrau.

Defina algumas coisas extras que você pode acrescentar na sua vida agora que você ganha mais e já possui bens que lhe garantam aquele padrão anterior. Não use todo seu salário para isso, mantenha um percentual razoável para “pagar a si mesmo” em primeiro lugar. E aproveite a vida com o restante.

De novo, neste segundo degrau, ao começar a ganhar mais ao longo dos próximos anos com seu desenvolvimento na carreira, não aumente seu padrão de vida imediatamente. Destine esses recursos extras para acelerar sua formação de patrimônio e logo, em pouco tempo, você terá este patrimônio lhe gerando renda para sustentar este segundo degrau de independência.

Repita isto ao longo dos anos e você verá que não apenas você vive bem ao longo do tempo, mas, na medida em que seu patrimônio aumenta e os rendimentos que esse patrimônio gera, permitem que você mantenha seu padrão de vida mesmo sem trabalhar.

Você passa a ter o poder de escolha. Você não precisa mais aceitar uma proposta profissional que não lhe agrada, com medo de não ter como pagar as contas do mês. Você pode pleitear uma promoção e como tem garantias, pode inclusive jogar a carta do “ou recebo a promoção que desejo, ou vou procurar quem me pague o que vale meu trabalho,” sabendo que seu padrão de vida está garantido, e que você terá tempo para encontrar algo melhor para continuar sua ascensão profissional e galgar os próximos degraus de liberdade.

Autor: Fabricio S. Peruzzo

Papai investidor, marido, polímata, empreendedor, curioso. Tranquilidade financeira é qualidade de vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s