Reclamações típicas sobre dinheiro.

Você ganha pouco, tem salário baixo.

Porquê? O que fazem as pessoas que ganham mais que você? Estudaram mais? Trabalharam mais? Conhecem mais pessoas? O que você pode fazer objetivamente para melhorar seus rendimentos? Já pensou nestas coisas ou só fica reclamando que ganha pouco? Quando falta luz, reclamar não resolve. Caminhar até a gaveta e pegar uma lanterna, sim. Claro, isso só funcionará se previamente você tenha comprado uma lanterna, pilhas novas, e a tenha deixado pronta para quando precisar. O que você está fazendo, de verdade, para melhorar seus rendimentos? Estude para ganhar mais. Fique atento às oportunidades.

Não sobra dinheiro para guardar.

Pague primeiro a si mesmo. Porque você paga todas as contas mensalmente e não paga justamente a conta mais importante, a conta do seu futuro e da sua tranquilidade financeira? Assuma o compromisso de garantir seu futuro em primeiro lugar. Se dá para viver com 100% do que você ganha, com certeza dá para viver com 90% ou até mesmo com 80%. Pagar a si mesmo primeiro é a regra número um do sucesso financeiro, é o mantra que você ouvirá de todas as pessoas que conquistaram o sucesso com o dinheiro.

Gasto mais do que ganho.

Pague primeiro a si mesmo. Porque você paga todas as contas mensalmente e não paga justamente a conta mais importante, a conta do seu futuro e da sua tranquilidade financeira? Assuma o compromisso de garantir seu futuro em primeiro lugar. Se dá para viver com 100% do que você ganha, com certeza dá para viver com 90% ou até mesmo com 80%. Pagar a si mesmo primeiro é a regra número um do sucesso financeiro, é o mantra que você ouvirá de todas as pessoas que conquistaram o sucesso com o dinheiro.

Sim, gasta, e vai conseguir manter isso por quanto tempo? Entrando em cheque especial, limite do cartão de crédito, usando cartão de supermercado para fazer as compras do mês. Onde isso vai acabar? É preciso resolver isso o mais rápido possível, antes que seja realmente tarde demais. Descubra para onde vai o dinheiro, anote todos os seus gastos e divida-os em algumas poucas categorias: moradia, alimentação, gastos com carro, saúde, educação, lazer. Corte o que for supérfluo. Simplifique sua vida. Cancele a TV a cabo, Netflix, pare de perder tempo com distrações que não acabam, enquanto poderia estar fazendo algo mais útil para seu futuro. Leia um livro, faça um curso online, assista uma palestra.

Viver acima das suas possibilidades é uma ponte quebrada, uma hora você cai. E o tombo pode te matar. Figurativamente, ou de verdade.

Autor: Fabricio S. Peruzzo

Papai investidor, marido, polímata, empreendedor, curioso. Tranquilidade financeira é qualidade de vida.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s