O herói de uma nação

Foto batida em Suzuka, no Japão, onde o título deste post é tão válido quanto aqui no Brasil.

 

Hoje faz 17 anos que os jovens da minha geração perderam seu ídolo máximo. Como naquele dia trágico, não tenho palavras para descrever o que senti, mas o RicaPerrone, jornalista e bem mais hábil com as palavras, conseguiu retratar exatamente como estavam os ânimos do país após o fatídico acidente. No meu caso, se lhe interessa saber, tudo o que consegui fazer foi imprimir uma foto do Senna em uma camiseta, e andar com ele no peito, carregando comigo, por mais uns poucos dias, o herói próximo ao coração. A camiseta não existe mais. O herói permanece.

Siga com o texto do Rica clicando no link abaixo:

O herói de uma nação, por Rica Perrone.

Autor: Fabricio S. Peruzzo

Pai, marido, polímata, empreendedor, curioso. Tranquilidade financeira é qualidade de vida.