Manual do dândi – A vida com estilo

Resenha do Manual do dândi, um livrinho bastante interessante que descreve esse modo de vida.

manual_dandi2Acabo de ler o Manual do dândi, um livrinho bastante interessante que descreve esse modo de vida bastante particular.

George Brummell, D’Orsay, Charles Baudelaire, Oscar Wilde, Robert de Montesquiou, Marcel Proust, Santos Dumont, Christian Dior. Quem foi, quem é dândi?

O livro faz parte da coleção mimo, da editora autêntica. Comprei na livraria Cultura aqui de Porto Alegre. Contando com as notas, são 222 páginas de um texto fluido e de rápida leitura. Uma das minhas motivações para a compra foi ter estudado alguns detalhes da época áurea do dandismo nas aulas de História da Moda, da pós-graduação em Moda, Criatividade e Inovação, que estou cursando junto com minha esposa.

Se você não consegue entender o que um empresário com formação em informática e uma empresa que vende consórcios faz em uma pós em moda, vou tentar explicar isto outro momento, mas para não deixar a informação solta no ar, basta dizer que nas aulas de Moda, Cultura e Sociedade, para citar a cadeira mais recente, meu cérebro processa as informações como Negócios, Cultura e Sociedade, ou como Tecnologia, Cultura e Sociedade. Simples assim. Aproveito os conceitos discutidos, como a Modernidade Líquida de Bauman, relacionando-os com os diversos setores onde atuo.

Voltando ao livro, recomendo a leitura para quem deseja entender de onde surgiu toda essa onda atual de homens metrosexuais e outras classificações modernas para os homens que gostam de cuidar do corpo e da aparência.