Como fazer arbitragem com Bitcoins sem conta bancária no exterior

AVISO: Antes de fazer qualquer das operações descritas neste texto, procure um contador de sua confiança. Há detalhes operacionais importantes a serem tratados para fazer tudo dentro da lei.

Uma das maiores dúvidas de quem deseja fazer arbitragem com Bitcoins, ou seja, de ganhar dinheiro aproveitando as distorções que ocorrem de tempos em tempos entre as cotações dos Bitcoins no Brasil e nas bolsas do exterior, é como operacionalizar estas operações.

Com base na realidade dos últimos meses, você pode esperar lucros de até 18% em cada operação, podendo fazer ao menos meia dúzia de operações ao ano, ou seja, efetivamente dobrando seu capital em apenas um ano.

A forma mais trivial de fazer estas operações é a seguinte:

1. Transfira dólares para sua conta no exterior, fazendo contrato de câmbio com seu banco brasileiro para essa transferência;
2. Transfira o dinheiro de sua conta no exterior, para a conta da exchange estrangeira;
3. Compre Bitcoins na exchange estrangeira;
4. Envie os Bitcoins adquiridos para uma exchange nacional;
5. Venda seus Bitcoins em reais;
6. Apure os lucros transferindo o saldo da exchange brasileira para sua conta corrente. Pague o IR no mês seguinte, caso suas vendas ultrapassem R$ 35.000 no mês.

O problema que acontece com esta operação é que você precisa ter uma conta no exterior, e a maioria das pessoas não deseja ter o trabalho necessário para gerenciar isso (nem os custos envolvidos).

Há uma forma de fazer estas operações de maneira mais simples, sem exigir conta corrente no exterior. Apresenta um pequeno risco operacional extra, mas você estando confortável com este risco, é uma opção bastante válida. O risco que trato aqui é o risco de contraparte, ou seja, o risco de deixar seu dinheiro (em dólares) na conta da exchange estrangeira até que a janela de negociação abra novamente.

O bom desta operação é que ela funciona independente da cotação atual do Bitcoin, ou seja, você não corre o risco de quedas abruptas da cripto-moeda, pois seu dinheiro, enquanto a janela de negociação está fechada, está disponível em dólares.

Como funciona essa operação sem conta bancária no exterior?

Neste momento, a cotação do Bitcoin no Brasil está parecida com a cotação no exterior. Assim, é possível comprar Bitcoins no Brasil e enviar diretamente da exchange brasileira para a exchange no exterior, fazendo a venda dos mesmos lá fora e mantendo o saldo na exchange estrangeira em dólares. Pronto, neste momento você possui não apenas seu capital atual em moeda forte, como não está mais sujeito às quedas eventuais (nem as subidas, infelizmente) do Bitcoin.

Quando o mercado mudar, ou seja, quando eventualmente a procura por Bitcoins no Brasil se tornar novamente maior do que a oferta em relação à procura mundial, e com isso o ágio para compra de Bitcoins no Brasil aumentar muito (para os 20% que historicamente atingem com regularidade), então executamos o segundo passo da operação, comprando Bitcoins com nossos dólares no exterior, transferindo para cá esses Bitcoins e vendendo aqui em reais, concluindo a operação.

Depois disso basta deixar os reais em uma simples aplicação em renda fixa aguardando a próxima janela de ágio baixo ou nulo para nova compra aqui e posterior conversão para dólares, e então começar mais uma vez o ciclo.

Esta é uma operação para aqueles que não acreditam que o Bitcoin possa valorizar significativamente no futuro, ou para os que acreditam que possam haver quedas enormes na cotação, ou ainda para os que simplesmente não sabem o que vai acontecer e não desejam correr os riscos inerentes ao investimento nas cripto-moedas, desejando apenas se posicionar positivamente em operações simples de arbitragem de mercados.

Você pode lucrar com Bitcoins, mesmo sem investir em Bitcoins.

Abraço e bons lucros.

2 pensamentos em “Como fazer arbitragem com Bitcoins sem conta bancária no exterior”

  1. Boa noite. Minha dúvida é como depositar o dolares da minha conta no exterior, na Exchange estrangeira. Estando aqui no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *