EXCLUSIVO: Curso de arbitragem internacional de Bitcoins em Nova York!

Gravei este video em Nova York, onde estava finalizando os últimos detalhes do curso de arbitragem internacional de Bitcoins que vou ministrar no final de julho em Nova York mesmo.

Além do curso, farei o acompanhamento pessoal para a abertura de conta bancária nos USA, de maneira a poder executar as operações de arbitragem em série, quando a janela de arbitragem Brasil-USA abrir.

Este vai ser um curso diferente, com a aplicação prática e imediata de tudo que vamos ver ao longo de uma semana na cidade. Tu vais ter meu acompanhamento pessoal em cada detalhe. Vai ser uma imersão no assunto, mas também uma imersão na cultura de negócios dos Estados Unidos. A gente não vai só falar sobre os tópicos referentes à arbitragem com os Bitcoins, mas também aplicar tudo isso na prática.

Se tivermos sorte, e a janela de oportunidade se abrir enquanto estivermos aqui, iremos inclusive operar um giro da arbitragem, provavelmente ficando com todos os custos do curso e da viagem pagos antes mesmo de voltarmos ao Brasil.

Deixa eu falar rapidamente sobre o assunto arbitragem e sobre o que o curso vai cobrir.

A arbitragem com Bitcoins consiste basicamente de nos aproveitarmos das distorções de preço que ocorrem de tempos em tempos entre as cotações nas corretoras brasileiras e estrangeiras. Quando esta janela de oportunidade se abre, os preços no Brasil costumam ficar até 20% mais caros do que no exterior, criando a situação perfeita para gente lucrar comprando no exterior e vendendo mais caro no Brasil.

Uma das grandes vantagens da arbitragem internacional com Bitcoins, é que operando desta maneira a gente fica bem menos expostos à altíssima volatilidade dos preços do Bitcoin. Não nos interessa se ele está caro ou barato, só nos interessa a relação entre os valores no Brasil e no exterior, e quando estes valores permitem a operação, a gente simplesmente lucra de forma rápida e saímos o quanto antes do risco da moeda digital. Nós só mantemos os Bitcoins durante o tempo necessário para concluir um giro da operação, e isto significa apenas umas poucas horas.

Temos diversas formas de implementar essa operação, sendo duas as mais tradicionais.

1. A gente pode executar a arbitragem sem possuir conta bancária no exterior;

Ou

2. A gente pode executar a arbitragem utilizando uma conta bancária no exterior, seja nos Estados Unidos, seja em algum país europeu.

No curso, eu poderia ensinar como fazer a operação sem possuir conta no exterior, mas este curso, na verdade, não é para quem quer fazer isso, porque essa operação mais trivial eu já ensino agora mesmo, ela é bem simples: quando a diferença de preço do Bitcoin entre as corretoras no Brasil e no exterior estão parelhos, ou seja, sem nenhum ágio, ou com bem pouco ágio, a gente simplesmente adquire Bitcoins no Brasil, envia para uma corretora no exterior, e vende eles imediatamente, ficando com dólares na conta da corretora estrangeira.

Fazendo assim, a gente não corre mais o risco de ver os Bitcoins despencando de valor e nosso dinheiro ir para o ralo. Claro que com isso a gente também não participa de eventuais subidas rápidas do Bitcoin, mas quem quer fazer arbitragem está buscando uma forma mais segura de lucrar, sem correr os riscos dos altos e baixos violentos pelos quais o Bitcoin passa de uma hora para outra. A arbitragem não é para quem deseja investir em Bitcoins, mas sim para quem deseja executar operações pontuais com menor risco e alta lucratividade.

Depois de ter enviado o dinheiro para corretora fora do Brasil, quando a janela de oportunidade da arbitragem se abre, ou seja, quando o preço do Bitcoin nas corretoras brasileiras se torna bem mais alto do que nas corretoras do exterior, a gente simplesmente faz a operação inversa, compra Bitcoins no exterior com o dinheiro que a gente tinha previamente enviado para a corretora lá fora, envia esses Bitcoins para a corretora no Brasil, vende os Bitcoins pelo valor mais alto e deixa ali em reais, paradinhos na conta, esperando novamente surgir a oportunidade de enviar o dinheiro para o exterior quando essa diferença de preço cair.

Dado o histórico do valor do Bitcoin em relação à estas oportunidades de arbitragem, elas costumam acontecer em períodos entre duas semanas a dois meses. Como em cada operação é possível lucrar até 20% sobre os valores investidos, a gente pode dizer que é relativamente fácil conseguir 100% de retorno em apenas um ano. A gente só precisa deixar o dinheiro lá quietinho, aguardando a oportunidade surgir e executando as operações de tempos em tempos. Se tivermos apenas uma operação a cada dois meses, já está aí nosso dinheiro dobrado depois de um ano.

Claro que não a gente não deve investir todo nosso dinheiro nisso. Tem uma serie de riscos envolvidos, que também vão ser tratados no curso, mas só para adiantar, um deles é o risco de contraparte, que basicamente significa o risco da corretora em que a gente tem nossa conta passar por problemas. Mesmo com nosso dinheiro estando em moeda fiat, reais ou dólares, quem garante nosso investimento é uma empresa que pode passar por dificuldades em qualquer momento.

Outros riscos envolvem questões de tecnologia, acesso aos dados, velocidade e congestionamento da rede de transações de forma a executar as operações de compra e venda em um prazo factível. Enfim, é uma excelente forma de lucrar, mas não dá para ir com muita sede ao pote sem conhecer os riscos que se corre.

Mas voltando ao que interessa, os lucros, vamos passar à segunda maneira de operar as arbitragens, uma forma bem mais lucrativa e rápida, além de muito mais segura, que é a operação através de conta bancária no exterior.

Usando uma conta bancária no exterior a gente pode lucrar muito mais pelo simples motivo de que em cada janela de arbitragem que se abre, a gente pode executar não só uma, mas várias operações de arbitragem em sequência.

Quando a diferença de preço entre as corretoras nacionais e estrangeiras fica alta, a gente envia dinheiro da nossa conta corrente no Brasil para conta corrente no exterior.

De lá, a gente envia o dinheiro para a corretora estrangeira, compramos os Bitcoins, enviamos esses Bitcoins para a corretora no Brasil, vendemos os Bitcoins com lucro, mandamos o dinheiro para nossa conta corrente brasileira e neste momento, se a janela de arbitragem continua aberta, a gente pode repetir a operação quantas vezes for possível.

Nosso lucro, que na operação sem conta corrente no exterior terminaria no primeiro giro, agora pode rodar duas, três, cinco vezes na mesma janela de oportunidade, sendo possível então até dobrar nosso capital em apenas duas semanas.

O melhor de tudo isso, é que nos momentos em que a janela de arbitragem está fechada, ou seja, nos momentos em que não podemos executar as operações, nosso dinheiro não está parado na conta de uma corretora qualquer de Bitcoins, mas sim, está seguro em uma conta bancária que possui todas as garantias e seguranças que o sistema financeiro nos proporciona.

Vamos falar então sobre o curso…

O curso de arbitragem internacional de Bitcoins vai ser um curso de uma semana em Nova York passeando comigo pela cidade. O grupo, que vai ser necessariamente limitado para eu poder dar atenção individual a cada um, vai sair por Nova York conhecendo as cafeterias e locais agradáveis que eu costumo frequentar quando venho à cidade, a gente vai conversar sobre os tópicos necessários à compreensão das operações, dos riscos e das possibilidades de lucro.

Uma parte importante desses passeios é a visita aos bancos que eu indico para abertura de conta corrente, explicando os motivos da escolha de cada banco, indicando o melhor banco de acordo com o perfil de cada um, e principalmente, acompanhando um a um na abertura da sua própria conta bancária durante esta semana do curso.

Como falei antes, o curso é prático, o objetivo é concluir não só aquilo que é necessário para começar a lucrar, mas também, se houver a possibilidade de uma janela de arbitragem estar aberta, já fazermos as operações juntos, e ter o curso e a viagem pagos antes mesmo de voltarmos ao Brasil.

Então eu te pergunto: está pronto para lucrar comigo? Vamos passear em Nova York e ganhar dinheiro juntos?

Me manda um email caso esteja interessado, porque a partir de agora pretendo ministrar este curso com alguma regularidade. Então independente de quando tu estiver assistindo este video, é provável que em até três meses a gente possa ter uma nova turma viajando para lucrar. E se tu tens um grupo de amigos interessados em investir juntos, fala comigo que a gente pode bolar algo ainda mais personalizado, feito sob medida para vocês.

Vai ser um prazer ajudar a fazer o teu dinheiro crescer. Essa é minha missão, vem comigo.

Um grande abraço, direto aqui do frio congelante do inverno de Nova York.

Arbitragem inversa com Bitcoins

Já escrevi outros artigos aqui explicando sobre a arbitragem com Bitcoins. Sugiro a leitura deles antes desse aqui, caso você não saiba do que se trata. Basta procurar na lista de tópicos ao lado sobre o assunto e ver os artigos relacionados.

Esta semana, porém, me dei conta de algo que não havia pensado antes. Não é que tenha me dado conta, na verdade, é que simplesmente a situação se apresentou, e tendo notado o que estava acontecendo, o cérebro deu um estalo.

A arbitragem com Bitcoins é feita tradicionalmente quando o preço dos Bitcoins no Brasil, devido à alta procura, se torna consideravelmente mais alto do que o preço dos Bitcoins nas corretoras estrangeiras. Então compramos Bitcoins baratos lá fora, e vendemos com lucro no Brasil.

Semana retrasada tivemos uma disparidade inversa. A procura no Brasil se tornou menor do que lá fora em relação à oferta, tornando o preço do Bitcoin aqui mais barato do que lá. E isto permitiu a realização da operação oposta, comprar Bitcoins aqui e vender lá fora com lucro.

Antes de ter tido esta iluminação, havia visto estas oportunidades apenas como janelas em que poderíamos enviar dinheiro para o exterior de forma mais barata do que remessas internacionais tradicionais. Ou como a única maneira de enviar dinheiro para as corretoras no exterior de maneira a poder operar a arbitragem tradicional para quem não tivesse conta corrente no exterior.

Então naquela semana, o que já estava se sofisticando com a viagem que fiz a NY para abertura de conta corrente de maneira a operar com mais eficiência a arbitragem com Bitcoins, se tornou ainda melhor.

Aguarde mais uns dias, que em breve vou publicar um video em que explico todos os detalhes do curso de arbitragem internacional de Bitcoins que devo começar a ministrar com regularidade em NY, incluindo aí todo o suporte e acompanhamento para a abertura de conta corrente no exterior, sem a necessidade de endereço fixo nos USA ou qualquer outra complexidade deste tipo.

Enquanto isso, fique com um pequeno video “teaser” que fiz de brincadeira durante minha viagem, animado que estava com o sucesso da minha missão em NY.

Meu início com o investimento em consórcios imobiliários

O Rafael Jantsch, que me entrevistou recentemente em seu canal do Youtube, tem feito alguns videos citando meus investimentos passados, coisas que ele leu em meus sites, e idéias e técnicas diferentes que eventualmente eu tenha usado em meus investimentos. No video abaixo, ele selecionou um trecho onde conto a história de como conheci os consórcios imobiliários e como obtive meus primeiros lucros com este investimento.

Veja como eu comecei, e se isso te animar, vai ser um prazer ajudar a lucrar também.

Esta é a Rede Rica! Uma curadoria de conteúdo feita para facilitar sua vida ao apresentar os melhores textos e videos para seu desenvolvimento pessoal e financeiro.

Lucro de R$ 154.000 em um ano e meio, com investimento de R$ 37.000. Como???

O Rafael Jantsch, que me entrevistou recentemente em seu canal do Youtube, tem feito alguns videos citando meus investimentos passados, coisas que ele leu em meus sites, e idéias e técnicas diferentes que eventualmente eu tenha usado em meus investimentos. No video abaixo, ele fala de um caso específico que relato neste artigo, de um investimento onde, com R$ 37.000, obtive R$ 154.000 de lucro no final de uma série de negócios encadeados.

O segredo? Consórcio imobiliário, conhecimento financeiro, criatividade e seriedade nas negociações, parceiros sérios, e trabalho duro.

Esta é a Rede Rica! Uma curadoria de conteúdo feita para facilitar sua vida ao apresentar os melhores textos e videos para seu desenvolvimento pessoal e financeiro.

O que é consórcio (e um “pulo do gato” de brinde para seus investimentos e sua independência financeira)

O Reinaldo Domingos, do canal do Youtube Dinheiro à vista, gravou um excelente video explicativo sobre os consórcios. Vale principalmente para o consórcio de imóveis, mas também funciona com o consórcio de veículos ou até de motos, caso você não disponha de recursos suficientes para um plano de maior valor.

Só que mais do que simplesmente explicar o que é e como funcionam os consórcios, ele dá um “pulo do gato”, ou seja, conta um segredo de como usar os consórcios para conquistar a independência financeira. Para ver qual é o pulo do gato, assista ao video. Para implementar isso nos seus investimentos, adquira seus consórcios com a Megacombo.

Depois de assistir ao video, lembre de assinar o canal do Reinaldo, onde ele explica diversos assuntos financeiros de forma simples e direta.

Para adquirir seu consórcio para investimento e implementar o “pulo do gato” (sem custos extras), além de contar com meu acompanhamento e orientação ao longo de todo seu investimento, basta selecionar a carta que desejas no Portal do Representante, uma página segura que faz parte do sistema da Rodobens, seguindo o link abaixo:

https://representante.rodobens.com.br/megacombo

A compra é feita selecionando o tipo de bem (imóvel/veículo/etc) e o valor do crédito desejado. Depois de selecionar o crédito e o prazo desejado (os prazos mais longos são melhores para o investimento), basta se cadastrar como “novo cliente”, se esta for sua primeira compra, ou utilizar seu CPF e senha, caso já possua outro consórcio com a Rodobens. Nota que estarás acessando uma página diretamente no sistema da Rodobens, para maior confiança na aquisição.

Esta é a Rede Rica! Uma curadoria de conteúdo feita para facilitar sua vida ao apresentar os melhores textos e videos para seu desenvolvimento pessoal e financeiro.

Entrevista para o canal Educar Imóveis, do Rafael Jantsch

Mês passado o Rafael Jantsch, do canal do Youtube Educar Imóveis me convidou para uma entrevista. Acredito termos tratado dos principais tópicos relevantes em relação ao uso dos consórcios imobiliários como ferramenta para formação de patrimônio.

Após assistir a entrevista aproveite para assinar o canal do Rafael. Lá você encontrará uma infinidade de videos sobre investimentos em imóveis.

Esta é a Rede Rica! Uma curadoria de conteúdo feita para facilitar sua vida ao apresentar os melhores textos e videos para seu desenvolvimento pessoal e financeiro.

Prêmio Qualy Rodobens 2017 – Ilha de Comandatuba

Acabo de publicar na página da Megacombo um rápido vídeo de agradecimento aos clientes e amigos novos que adquiriram seus consórcios comigo entre julho de 2016 e junho de 2017 e proporcionaram, com essa confiança em meus ensinamentos sobre o uso do consórcio como ferramenta para formação de patrimônio, a conquista de mais um Prêmio Qualy da Rodobens.

Placa do Prêmio Qualy Ouro 2017

A viagem como sempre foi maravilhosa, e a Ilha de Comandatuba, na Bahia, parece ser um pequeno pedaço do Hawaii em solo brasileiro.

Chegando ao paraíso.

Viajamos com a Isabella, que aos quatro anos, não poderia ter gostado mais das piscinas, gramados para correr livremente, atividades diversas ao ar livre e muita diversão o tempo inteiro.

Aproveitamos ainda para rever os amigos e renovar as energias para um novo ano ainda mais especial. Planos novos, recém saídos da prancheta mostram porque a Rodobens é a melhor administradora do país, inovando a cada dia para benefício de seus clientes. Ferramentas digitais que facilitam a vida dos clientes e parceiros, ampliando o acesso à informação tornam tudo ainda melhor.

2018 chegou mais cedo este ano!

E terminamos com festa! Banda Cheiro de Amor dando show no Luau da última noite de comemorações!

Como manter a calma em dois minutos

Meu amigo Seiiti Arata é um polímata impressionante, um professor nato, e um excepcional desenvolvedor de pessoas. No video abaixo ele explica como manter a calma em situações que nos incomodam e nos tiram do sério.

Depois de assitir, clique no video, assine o canal da Arata Academy e saiba em primeira mão quando o Seiiti publicar novas dicas de vida.

Esta é a Rede Rica! Uma curadoria de conteúdo feita para facilitar sua vida ao apresentar os melhores textos e videos para seu desenvolvimento pessoal e financeiro.

Invista em Bitcoins AGORA! Lucros potenciais de mais que 25 vezes o valor investido.

Algum tempo atrás, pessoas bem informadas sobre o assunto, como Kim Dotcom, indicaram o investimento em Bitcoins. A moeda estava cotada na época em US$ 375. Hoje pela manhã, ultrapassou a marca de US$ 4000.

Estas mesmas pessoas bem informadas estimam que nos próximos poucos anos o valor do Bitcoin possa passar dos US$ 100.000. É um crescimento de 25 vezes em poucos anos, talvez até poucos meses.

A idéia aqui não é vender sua casa e comprar tudo em Bitcoin. Há riscos reais e todos podem estar delirando. Porém uma coisa é certa, existe a chance verdadeira dessas previsões se materializarem e termos uma valorização de 25 vezes ou mais. E a pior das alternativas, é o Bitcoin simplesmente deixar de existir e perdermos tudo que investimos. Você só pode perder o que investir, mas pode ganhar de forma ilimitada.

Dadas estas expectativas, acredito fortemente que uma APOSTA no Bitcoin seja uma aposta altamente assimétrica. No caso de ganhos, eles são substanciais. No caso de perda, são limitadas ao valor que apostamos.

Dependendo de suas possibilidades e patrimônio pessoal, acredito que uma aposta entre R$ 1.000 a R$ 10.000 seja completamente factível e que em caso de perda, tal valor seja pequeno o suficiente para não impactar significativamente seu futuro. Claro que ninguém gosta de perder, mas neste caso específico, acredito que as chances de lucro são muito maiores do que as de perda.

O que fazer:

Comprar entre 1% a 5% do seu patrimônio pessoal de investimentos em Bitcoins.

Se você tem R$ 100.000 em investimentos, compre R$ 1.000 só para ver como funciona. Se você só possui R$ 10.000 investidos, compre R$ 100 ao menos para estar por dentro deste assunto.

Como fazer:

Vou escrever um relatório em breve explicando o passo a passo de como funcionam os Bitcoins e como comprar e armazenar de forma segura suas moedas virtuais. Há uma série de questões importantes de segurança que exigem certo conhecimento para evitar perdas e fraudes, mas não é nada que pessoas que saibam ler e escrever não consigam compreender. Se você consegue ler e entender o que estou escrevendo aqui, você está apto a comprar suas primeiras Bitcoins.

Enquanto o relatório não sai (e pode demorar um pouco), fico disponível para auxiliar pessoalmente um a um. Não vai ser para todos, infelizmente, visto que meu tempo é limitado, mas entre em contato para agendar um horário e veremos o que dá para fazer.

Nesta consulta conseguiremos cobrir o conhecimento básico necessário para realizar a compra de Bitcoins aqui no Brasil, entender o funcionamento das empresas envolvidas nesta transação, aprender como armazenar suas moedas digitais em uma carteira eletrônica diretamente no seu computador ou telefone celular (de forma provisória), como fazer pagamentos (minha hora técnica será paga nesta ocasião, diretamente em Bitcoins), e finalmente como armazenar seus Bitcoins em uma “carteira de papel” bem mais segura do que as carteiras acessíveis pela internet.

Não se preocupe com os termos que não foram compreendidos, vou explicá-los um a um na nossa conversa particular.

Explicação um pouco mais detalhada:

O Bitcoin é uma moeda virtual que possui uma quantidade máxima limitada em circulação por definição técnica. É a moeda virtual de destaque, foi a primeira e é a que até agora mais vingou no mercado. Entre as moedas virtuais, o Bitcoin é o “dólar”, reconhecido e aceito por todos.

Diferente de moedas tradicionais emitidas por países, não há um banco central para as Bitcoins. Todos são co-responsáveis pelo funcionamento do sistema, e a saída de uns ou outros não impacta a continuidade, ou seja, é totalmente descentralizado e sem entidades que a controlem, com seu funcionamento sendo mantido por consenso entre os participantes do sistema.

O Bitcoin permite coisas que o sistema financeiro tradicional não permite. Uma das frases famosas relacionadas à moeda digital é “seja seu próprio banco.” Ou seja, o Bitcoin permite que você tenha controle sobre seu dinheiro. É como armazenar ouro em casa, mas sem os empecilhos logísticos que o metal impõe.

Com o Bitcoin, você pode comprar a moeda digital na Europa, pagando em euros, e logo depois vender no Brasil, recebendo em reais. Tudo isso sem taxas de transferência enormes cobradas pelos bancos, até porque você faz isso completamente sem intermediários bancários. Tudo simples, tudo rápido. Porém, não pense que isso seja um convite para a lavagem de dinheiro e evasão de divisas. Para comprar Bitcoins você precisa se identificar devidamente perante a bolsa de negociação entre quem deseja vender e quem deseja comprar, então tanto na Europa, quanto no Brasil, para ficar apenas neste exemplo, você teria que se identificar em ambos locais, identificando a fonte do dinheiro. Claro que há alternativas para comprar seus Bitcoins diretamente de pessoas físicas, sem passar por exchanges registradas, mas vamos nos manter nas alternativas mais simples para os exemplos aqui.

A medida em que mais pessoas começam a se dar conta destas possibilidades, e acima, só listei uma delas, mais e mais gente passa a ter interesse em utilizar esta moeda. E como sua quantidade é limitada, com maior procura, temos junto mais valor.

Então a situação é simples. Faça sua aposta. Invista um valor que não lhe cause desconforto muito grande de por acaso for perdido. E prepare-se se os prognósticos de quem conhece este assunto e já lucrou muito até agora estiverem certos. Sua fortuna pode estar a poucos anos de distância. Só depende de você dar os passos necessários.

Mais uma vez, fico disponível para auxiliar pessoalmente um a um. Dado o limite de tempo que tenho disponível, entre em contato para agendar um horário e veremos o que dá para fazer. Em uma hora conseguimos cobrir o conhecimento básico necessário para realizar a compra de Bitcoins aqui no Brasil, entender o funcionamento das empresas envolvidas nesta transação, aprender como armazenar suas moedas digitais em uma carteira eletrônica diretamente no seu computador ou telefone celular (de forma provisória), como fazer pagamentos (minha hora técnica será paga nesta ocasião, diretamente em Bitcoins), e finalmente como armazenar seus Bitcoins em uma “carteira de papel” bem mais segura do que as carteiras acessíveis pela internet.

Não se preocupe com os termos que não foram compreendidos, vou explicá-los um a um na nossa consulta.

Boa fortuna para você.

Letras miúdas, não tão miúdas:

Como já escrevi acima, investir em Bitcoins é uma coisa nova, sem nenhuma garantia de que vá trazer lucros, e que pode inclusive implicar na PERDA TOTAL DO VALOR INVESTIDO, seja porque este mercado deixe de existir do dia para noite, seja por erros no uso ou manuseio de seus recursos digitais ou perda de senhas de acesso, ou por qualquer outro motivo não previsto aqui. Só invista se estiver consciente disso. Não me responsabilizo por suas decisões. Lembre-se de que se “você é o seu próprio banco,” isso significa que você é o responsável por proteger seu dinheiro.

Papo com quem não sabe investir

Que eu sou fã da Nathalia Arcuri, quem já me conhece sabe. A capacidade dela juntar conhecimento financeiro com diversão é algo que pode fazer muita diferença na vida das pessoas que ao assistir o Me Poupe, acabam se dando conta de quanto dinheiro estão deixando na mesa, seja para bancos que cobram taxas altas, seja para investimentos ou pseudo-investimentos (plano de capitalização, foge daqui) que só te fazem perder.

Neste video ela entrevista a Taty, a YouTuber do Acidez Feminina, e é uma entrevista fantástica, porque a Taty, exemplo de sucesso com seu público, tem as mesmas dúvidas e comete os mesmos erros financeiros que a maioria da população. Vai lá, assiste e aprende com elas, tenho certeza que você vai adorar.

E se você acha que foi bom, é dose DUPLA! Uma no canal da outra, outra no canal da uma…

Esta é a Rede Rica! Uma curadoria de conteúdo feita para facilitar sua vida ao apresentar os melhores textos e videos para seu desenvolvimento pessoal e financeiro.